Antigo Testamento

Novo Testamento

PERSONAGENS ANÔNIMOS

Artigos E Curiosidades

Raabe, de prostituta a heroína da fé

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Enquanto os Israelitas se ajuntavam ao longo da margem leste do inundado e inchado Jordão, eles eram observados de perto pelo povo de Jericó, a apenas umas poucas centenas de metros da margem oeste do rio. Eles haviam ouvido como o Senhor dividira o Mar Vermelho para permitir aos Israelitas escaparem do exército Egípcio e como Ele os ajudara a derrotar totalmente os 2 Reis Amorreus do Jordão. Nas próprias palavras de Raabe, “O que ouvindo, desfaleceu o nosso coração, e em ninguém mais há ânimo algum, por causa da vossa presença; porque o Senhor vosso Deus é Deus em cima nos céus e em baixo na terra” (Jos 2.11). Então o povo de Jericó ficou horrorizado quando o Deus de Israel parou o fluxo do caudaloso rio, permitindo que eles cruzassem em terra seca.
Quando Josué enviou 2 espias a Jericó eles encontraram seu caminho até a casa de Raabe e procuraram refúgio lá, o qual ela concedeu em troca de garantia de segurança para ela e sua família. Eles concordaram e disseram que, se marcasse sua casa com uma corda escarlate, ela e qualquer um dentro da casa com ela seriam poupados na batalha que viria (Jos 2.12-21). No dia da batalha a cidade foi capturada e todos dentro dela morreram, exceto Raabe e sua família. Ela havia reunido sua família em sua casa e marcado com a corda escarlate como haviam combinado. Antes de queimar a cidade, Josué fez os 2 espias irem à casa de Raabe e a trazerem com toda a sua família para fora, para habitarem entre os Israelitas (Jos 6.22-25). A propósito, você consegue imaginar isso? Sua casa foi construída no muro da cidade que, é claro, desabou com o brado do exército Israelita. De todo o maciço de pedras que protegia a cidade de Jericó, somente uma porção contendo a casa de Raabe foi deixada de pé. Que testemunha do poder de Deus, que “sabe livrar da tentação os piedosos, e reservar os injustos para o dia do juízo, para serem castigados” (2 Ped 2.9). (Veja também 1 Tes 1.10)
Pela Graça Somos Salvos, Mediante a Fé
O nome Raabe significa orgulho, mas entre o povo de Jericó, todos os que conheciam o Deus de Israel, somente Raabe se humilhou diante dos 2 espias e O confessou como “Deus em cima nos Céus e embaixo na terra”. E, falando dos espias, e quanto a eles? Exceto por relatar que todo o povo de Jericó estava morto de medo, os espias trouxeram a Josué alguma informação que ajudou a desenvolver o plano de batalha? Não, o Senhor já havia determinado o plano de batalha e eles não contribuíram com nada para ele (Jos 6.2-5). Então qual era o seu propósito em Seu plano? Parece que eles eram realmente 2 testemunhas enviadas para ouvir a confissão de Raabe, salvá-la da destruição e dar-lhe um lugar entre o povo de Deus.
Daquele tempo em diante, Raabe habitou com os Israelitas. Ela se casou com um homem da tribo de Judá chamado Salmom e teve um filho a quem chamaram de Boaz. Boaz tomou uma esposa gentia de Moabe chamada Rute e tiveram um filho chamado Obede, que teve um filho chamado Jessé, que teve um filho chamado Davi, que se tornou Rei de Israel (Rute 4.13-22). E 26 gerações mais tarde, dois primos distantes, que eram ambos descendentes do Rei Davi (e portanto de Raabe e Salmom), se casaram e tornaram-se os pais terrenos do nosso Senhor Jesus. E assim, quando você ler a genealogia de Jesus em Mateus, encontrará Raabe listada lá (Mat 1.5).
Não É O Que Você Sabe, Mas Quem Você Conhece Que Importa
Todos em Jericó ouviram a respeito do Deus de Israel e todos exceto Raabe foram destruídos no dia da batalha. A fé de Raabe a salvou. Quando ela creu em seu coração que somente Um que é Deus em cima no Céu e embaixo na terra poderia ter feito as coisas de que ela ouvira falar, Ele fez de tudo para Se revelar a ela, enviando 2 testemunhas para testificar do Seu poder e amor. Imediatamente após confessar a Ele como Deus, ela foi marcada com um sinal que garantia a sua segurança (Ef 1.13-14), chamada dentre os outros de Jericó (Rom 8.29-30), escondida no dia da batalha (Isa 26.20-21 e Apo 3.10) e trazida viva para a família do Redentor (1 Tes 4.16-17). Exatamente como você e eu.

Por Jack Kelley  
Fonte: www.olharprofetico.com.br

Nenhum comentário

Postar um comentário

Últimas Postagens

Postagens Aleatórias

Postagens Mais Lidas